18 jan

Sobre o Nintendo Direct Mini de 11-01-2018

Então, tivemos um Nintendo Direct Mini outro dia e um monte de jogos foram anunciados, então vou comentá-los rapidamente, na ordem que foram apresentados.

Esta é a transcrição do vídeo de mesmo nome que está no meu canal do YouTube. Vão lá conhecer!

The World Ends With You: Final Remix

The World Ends With You é um dos meus jogos favoritos do DS o segundo melhor RPG da Square que já joguei, e eu tô muito feliz que ele está ressuscitando no Switch, pois assim mais gente vai poder jogar essa obra prima, e eu também quero jogá-lo de novo, principalmente por causa do capítulo novo sendo acrescentado a esta versão.

Tendo dito isto, o meu lado gamer hardcore chato está profundamente incomodado que este jogo vai ser, aparentemente, uma adaptação da versão mobile, com o combate simplificado, ao invés da bagunça absurda que era no DS. Para quem não sabe, no DS tínhamos que controlar dois personagens ao mesmo tempo, um em cada tela, o da touchscreen com o stylus e o da tela de cima com o direcional. Era bem confuso no começo, mas depois de acostumar eu gostei muito, é um combate que soube usar as duas telas de maneira interessante e compreensível, ao contrário de CERTOS JOGOS. Sem contar que era opcional, pois dava pra deixar o computador controlando o personagem da tela de cima.

Mas, mesmo se for com o combate simplificado, estou muito animado para poder voltar a jogar The World Ends With You.

DLCs de Pokkén Tournament DX

Como alguém que não comprou a versão Switch de Pokkén por não ter conectado tanto assim com a versão WiiU, estes DLCs não me afetam muito, mas como alguém que tinha Pokémon Blue e escolheu o Squirtle, O MELHOR POKÉMON INICIAL DE TODOS, tenho que celebrar a vinda do BLASTOISE!

Como fiquei quando anunciaram o BLASTOISE!

Kirby: Star Allies

Jogo clássico de Kirby, pessoas, não sei o que comentar. Eu gosto muito da série e provavelmente vou comprar este. TENDO DITO ISTO, gosto mais quando a Nintendo pira na batatinha e lança coisas como o Canvas Curse ou o Epic Yarn. De qualquer maneira, temos uma data de lançamento: 16 de março.

Hyrule Warriors Definitive Edition

Já tive minha dose de Warriors no Switch com o Fire Emblem Warriors, então não pretendo comprar este, até porque joguei bastante no WiiU. Espero que acrescentem o manejamento estratégico dos heróis que nem tem no de Fire Emblem, que deixou o jogo muito melhor. E, se você for fã de Zelda mas nunca jogou nada da série Warriors, acho até que vale a pena jogar Hyrule Warriors, é bem divertido e cheio de fan service, além de ter o Darunia, nosso grande líder Goron, como personagem jogável.

Mario Tennis Aces

Não vou mentir, este foi o anúncio que mais me pegou de surpresa e que estou mais animado. Eu gostei muito de Mario Tennis no N64, no Gamecube e no Game Boy Color, mas o do 3DS foi uma certa decepção pra mim, pois tirar os poderzinhos dos personagens deixou o jogo muito “normal”, por se assim dizer, sem a magia Mario. E o do WiiU eu não comprei porque as análises, na época, estavam afirmando que era o pior jogo da série. Por isso, estou esperançoso que este vai ser o Mario Tennis que vai ser bom de novo, até por causa do modo história, que era a minha parte favorita da versão GBC. O único porém é que parece ser uma história focada no Mario ao invés de ser um avatar que você cria, o que pode limitar as possibilidades narrativas, mas vamos ver. Só não quero ter que resgatar a Peach jogando tênis, dá pra fazer uma coisa melhor.

E temos que admirar o trabalho do cabeleireiro do Mushroom Kingdom, que depois do Bowser noivo, temos este Waluigi tenista.

Acrescenta um cachecol e um copo do Starbucks e aí temos o Waluigi hipster.

Ys VIII: Lacrimosa of DANA

Nunca joguei nenhum jogo da série Ys, então estou relativamente indiferente a este anúncio, mas existe um detalhe interessante: a versão PS4 deste jogo lançou com uma tradução tão ruim que os fãs reclamaram tanto que a desenvolvedora vai lançar um patch com uma tradução nova, e a versão Switch vai sair direto com essa tradução melhor. O meu ponto aqui não é que a versão Switch é melhor ou coisa parecida, mas que eu sempre acho interessante quando os fãs conseguem realizar uma mudança significativa no jogo, para o bem ou para o mal. Neste caso, parece que foi para o bem. Talvez eu volte para este assunto no futuro.

Luigi’s Balloon World

Eu esperava algum tipo de DLC para Mario Odyssey, mas não esperava isso, e parece muito legal. Até já estou pensando em uns lugares bem cretinos para esconder os balões.

Sim, eu sei que não é um mundo novo, ou mais história, como muita gente quer, e como eu mesmo gostaria que fosse, pode ser que isso venha no futuro. Mas, por enquanto, este minigame parece bem legal.

SNK Heroines Tag Team Frenzy

Existem duas coisas que quero comentar sobre este jogo. A primeira é que eu estou profundamente irritado comigo mesmo por não ter pensado na piada mais óbvia do mundo, que é este ser o Queen of Fighters. Não sei quem foi o primeiro a fazer esta piada, mas seja quem for, está de parabéns.

A segunda coisa, que não tem muito a ver com este jogo, mas mesmo assim quero falar, é que eu jamais vou perdoar a humanidade por ter ignorado King of Fighters durante a época que ela foi a série de luta mais linda que existia:

Olha isso, olha essa animação, olha esses personagens, era magnífico.

Mas, como produzir isto era muito caro, a SNK teve que deixar a série assim:

Uma coisa medonha.

E agora ela dá lucro. Assim provamos que a humanidade não tem salvação. O pior é que eu sou parte do problema, pois como os jogos não saíam para consoles Nintendo e eu parei de ir em fliperamas, esqueci completamente da existência da série, e quando arranjei um PS3 não comprei nenhum jogo dela. De qualquer maneira, este Queen of Fighters vai seguir o estilo visual horroroso atual da série, e isso me impede de querer comprar o jogo. Até porque muitos dos antigos já relançaram, então King of Fighters bom é o que não falta no Switch.

DLC de Mario+Rabbids

Muito legal ter o Donkey Kong nesse jogo, até porque já vimos o Rabbid DK, então faz sentido termos o DK normal… o que pode indicar a vinda de [spoiler] e [spoiler] no futuro, já que temos versões rabbids deles. O que eu não entendi é que o DK é um personagem que já usou uma arma antes e no jogo que o Mario ganha uma arma, o gorila fica com uma banana-merangue. Sei lá, não é como se o canon de Mario fosse muito lógico, mas pra mim o DK usar uma arma faz mais sentido que o Mario.

Invariavelmente, parece legal, isso está me incentivando a comprar o Season Pass, que eu ainda não tinha comprado DLC pra Mario+Rabbids.

Payday 2

Não conheço a série, por mais que saiba que ela seja consideravelmente popular. Sinceramente, ela não me atrai muito, mas espero que quem goste esteja animado com este lançamento.

Fe e Celeste

O momento Nindie do Direct teve apenas dois jogos, e um deles não é, assim, tão indie, pois o Fe é publicado pela EA. Mesmo assim, ambos parecem interessantes, e vou ficar de olho quando lançarem.

Donkey Kong Country: Tropical Freeze

Este jogo é sensacional, um dos melhores do WiiU, mas ele também é difícil pra burro, o que explica a adição do Funky Kong nesta versão, um personagem OP pra ajudar quem tem dificuldades com jogos de plataforma. A existência desse novo modo fácil não me incomoda, muito pelo contrário, espero que incentive mais pessoas a comprar este jogo, o problema é que eu não gosto muito do personagem do Funky. Sei lá, ele é muito “radical anos 90” demais, me cansa. Mas ele não chega a estragar essa pérola videogamística, e se você não jogou-o no WiiU e gosta de jogos de plataforma 2D, recomendo muito Donkey Kong Country: Tropical Freeze.

Dark Souls Remastered

Finalmente! Dark Souls no Switch! Sabia que aquele logo da From Software não estava lá a tôa!

Vejam se vocês conseguem achar o logo da From Software.

Para melhorar ainda mais, o jogo vai lançar com um preço menor! US$40 ao invés de US$60! Se você, como eu, compra jogos pela eShop americana, isso é uma ótima notícia!

Pena que ela perdeu boa parte do impacto com a Bandai Namco anunciando um box de colecionador com a trilogia completa para o PS4. Sim, eu sei que o 2 e o 3 já existem para o console da Sony, o que significa que é bem mais fácil para ela fazer esse box para o Playstation, já que ia dar um trabalhão fazer o 2 e o 3 pro Switch, e eu também sei que esse box custa mais de quatrocentos dólares, mas ainda assim! Eu queria a trilogia completa! No Switch! Me dá a trilogia toda no Switch! Eu sou uma criança mimada! EU QUERO AGORA! ME DÁ!

De qualquer maneira, pelo menos teremos o primeiro Dark Souls no Switch e eu finalmente vou jogar um jogo da série.

Conclusão

Enfim, isto que eu tinha para dizer sobre os anúncios deste Nintendo Direct Mini. Para um “mini” Direct, até que teve bastante coisa, e por mais que a maioria dos anúncios sejam relançamentos, acho que o sucesso atual do Switch justifica a existência desses jogos, ajudando-os a alcançar mais público. E, é claro, temos um novo Mario Tennis com um modo história, então este Direct foi sensacional, não sei do que qualquer pessoa poderia reclamar. Mas e você? O que achou dele? Qual anúncio você mais gostou? Deixe seu comentário aí e…

Até a próxima!

Comentários