26 out

Sobre esse sistema arcaico de bloqueio de conteúdo em videogames

Jason Blundell, diretor da campanha single player do próximo Call of Duty, Black Ops 3, afirmou em uma entrevista ao site Eurogamer que o jogo lançará com todas as fases da campanha destravadas desde o começo, permitindo que o jogador aprecie-as na ordem que bem entender. Para completar, ele qualificou o sistema de fases travadas que sempre existiram como algo arcaico, e que os consumidores de games são um público mais maduro, capaz de decidir qual o modo que preferem jogar o jogo.

Então.

Seguinte: por mais que eu tenha opiniões conflitantes quanto à afirmação que os consumidores de games são um público mais maduro (tem horastem horas e tem horas), que eu tenha dado umas risadas com a resposta que vi muita gente dar, onde Call of Duty tem uma história porcaria então tanto faz mesmo a ordem que você a consome e o diretor só está vendendo o peixe dele, apontando a única coisa inovadora do jogo, e que eu, como aspirante a escritor, me irrito profundamente com pessoas que lêem o último capítulo só para saber se a história tem um final feliz para daí, sim, ler o livro do começo, eu não consigo discordar completamente de Jason.

Porque, se você comprou um jogo, você deveria poder consumí-lo como be entender.

Leia mais

14 out

Sobre qualidade e importância histórica

A revista britânica sobre games EDGE publicou uma edição especial com a lista daqueles que, na opinião deles, são os 100 melhores games de todos os tempos. A lista já está publicada nas interwebs, podem ir ver, se interessar.

Vocês cinco (Sim! Ganhamos um novo leitor!) provavelmente devem estar achando que o objetivo deste post é reclamar que a lista deles é absurda e ridícula e onde já se viu colocar Splatoon na frente de Journey e Okami? Eu adoro Splatoon de paixão, é um dos meus jogos favoritos do ano, mas melhor que Journey e Okami? Desculpa, mas não. E Bayonetta 2 melhor que Super Mario World, Super Mario 64, A Link to the Past, Majora’s Mask, Super Metroid, Metroid Prime, Portal e Journey e Okami? WTF? É um jogo espetacular, legal pra burro, mas CONVENHAMOS.

Convenhamos

CONVENHAMOS.

Leia mais

05 out

Sobre a dificuldade de determinar a dificuldade de um jogo

Eu avisei que ia ter uma invasão de Super Mario Maker, não avisei?

De qualquer maneira, o assunto de hoje é uma expansão do anterior, onde vou elaborar sobre outra armadilha que ando caindo no processo de criação de fases de Super Mario Maker: a minha incapacidade em medir corretamente a dificuldade das fases que crio.

Acho que é o que acontece quando você é o único playtester disponível.

Estou me sentindo tão solitário agora…

Leia mais